ESTRUTURA – Anfiteatro da Portonave depende de Lei Rouanet


Portonave. Estrutura física está pronta, mas equipamentos do anfiteatro dependem de aprovação na Lei Rouanet – Jean Knetschik/JN

Portonave. Estrutura física está pronta, mas equipamentos do anfiteatro dependem de aprovação na Lei Rouanet – Jean Knetschik/JN

Quem chega a Navegantes pela via portuária agora pode ver logo de cara a nova estrutura construída pela Portonave onde antes ficava o estacionamento para visitantes. O local comporta uma área de convivência para os funcionários, refeitório, área de descanso e um anfiteatro. Este último ainda dependerá de recursos por meio da Lei Rouanet.

Apesar da parte física concluída, a Portonave depende ainda da segunda etapa para colocar o anfiteatro em funcionamento. A empresa trabalha num projeto para envio à Lei Rouanet e poder investir recursos no local.

O diretor-superintendente e administrativo da Portonave, Osmari de Castilho, aponta que, inicialmente, o local será destinado aos colaboradores. Tão logo o anfiteatro seja concluído por meio da Lei Rouanet, haverá a possibilidade de abrir o espaço para utilização por parte da comunidade também. “Será um equipamento a mais para o setor cultural da cidade”, aponta.

Os recursos via Rouanet visam equipar o anfiteatro. Aquisição de iluminação adequada, cadeiras, cortina e até a construção do palco podem depender da aprovação do projeto pelo Ministério da Cultura.

 

Leave a comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *